O que é um Mini PC e você deve comprar um?

Escrito por Marcelo Augusto em 14 de junho de 2022

Compartilhar:

O que é um Mini PC e você deve comprar um?

Se você está no mercado para um novo computador, pode ficar um pouco sobrecarregado ao contemplar todas as opções disponíveis no mercado. Mas antes de sair correndo e comprar outro notebook, pare e considere se um mini PC seria mais adequado às suas necessidades. Em um ambiente de trabalho em casa, essas versões em miniatura de PCs poderosos podem ser a resposta para muitas pessoas.

O que são Mini PCs?

Mini PCs são exatamente isso: versões reduzidas de computadores desktop. Eles vêm em uma variedade de tamanhos e oferecem vantagens únicas, bem como algumas desvantagens.

Mini PCs são basicamente pequenos dispositivos em forma de caixa repletos de portas que não vêm com nenhum periférico, como monitor ou teclado. Portanto, eles podem ser uma ótima opção para pessoas que já têm esses itens em mãos.

Devido ao seu pequeno tamanho – que pode ser comparado a alguns smartphones empilhados uns sobre os outros – os mini PCs podem ser bastante limitados em termos de energia (nem sempre é o caso), embora permitam aos usuários realizar as tarefas mais essenciais, como verificando e-mail. Portanto, examinar para quais tarefas você usará um mini PC é fundamental ao tomar a decisão de optar por um PC de tamanho normal ou uma versão em miniatura.

Caso você esteja se perguntando, essas alternativas compactas de desktop não são feitas por empresas obscuras. Na verdade, muitos fabricantes de computadores conhecidos os vendem. Eles também vêm com as garantias e suporte que você obteria comprando um de seus laptops ou desktops de tamanho normal.

Casos de uso para Mini PCs

Apesar de seu formato pequeno, os mini PCs são grandes em termos de utilidade. Os que vêm com especificações mais baixas podem ser usados ​​para verificar seu e-mail ou mídia social, para alguns jogos online mínimos ou streaming de entretenimento. Se você trabalha em casa, pode atualizar sua energia e executar seu software específico do trabalho, incluindo aplicativos de videoconferência, sem problemas. Para amadores, eles podem editar fotos e vídeos, além de jogar jogos mais intensivos.

Um mini PC pode ser uma ótima opção para os pais que desejam comprar um computador para seus filhos sem gastar muito. Além disso, com um mini PC você saberá que seus filhos só podem usar o computador no espaço que você configurou, em vez de levarem um notebook para o quarto.

Mini PCs também podem ser uma ótima opção para empresas. Por exemplo, eles podem ser usados ​​para alimentar displays ou placas de publicidade digital ou como hubs de mídia em lojas ou estações de transporte público. Muitos negócios exigem vários computadores e, felizmente, a maioria dos mini PCs pode alimentar uma ou duas telas via USB-C, HDMI e Display Port, mas alguns podem ser conectados a até quatro telas.

Escolhendo um Mini PC

Ao decidir sobre um mini PC, é fundamental que você escolha um com base nas suas necessidades e nos periféricos que você já possui. Embora eles possam fornecer uma maneira de atualizar seu computador com orçamento limitado, se você também precisar comprar um conjunto completo de acessórios, também precisará levar isso em consideração no custo.

Você também deve certificar-se de que você não paga mais do que o que você precisa. Se você está apenas procurando algo para usar à noite, quando está fora do trabalho para assistir a filmes, provavelmente pode se safar com um mini PC de última geração. Abaixo você encontrará uma lista de prós e contras que esperamos ajudá-lo a decidir se comprar um mini PC é para você ou não.

Prós dos Mini PCs

  • Melhores especificações para custos mais baixos em comparação com notebooks.
  • Fator de formato pequeno para melhor estética e portabilidade.
  • Alguns vêm com bandejas que permitem aparafusá-los diretamente em seu monitor usando o sistema de montagem VESA (supondo que seu monitor esteja em um suporte).
  • Permitir que você faça uso de monitores ou TVs que você já possui.
  • Consome muito menos energia do que outros desktops quando em uso e no modo inativo, o que economiza dinheiro e é mais ecológico.

Contras dos Mini PCs

  • Muitos não possuem ventiladores, o que pode levar a problemas térmicos ao realizar tarefas pesadas de processamento.
  • Aqueles que têm ventiladores terão ventiladores menores que precisam girar mais rápido do que os instalados em PCs convencionais, o que pode aumentar o ruído do ventilador do mini PC.
  • A maioria pode não ser adequada para tarefas que consomem mais recursos.
  • Você precisa fornecer sua própria tela e periféricos, o que pode aumentar o custo.
  • Não é tão portátil quanto um notebook para viagens (a menos que você possa conectá-lo a um monitor/tela no seu destino).

Os mini PCs se dividem em duas grandes categorias: o mini PC pronto para uso e o mini PC básico. Abaixo detalhamos suas características.

Mini PCs Prontos para uso

O mini PC pronto para uso é basicamente uma opção plug-and-play. Eles funcionam exatamente como um notebook ou desktop comum, imediatamente.

Hoje, muitos deles vêm pré-instalados com o Windows 11, mas você sempre pode instalar um sistema operacional alternativo neles.

Mini PCs Básicos

Existem muitos mini PCs prontos para uso, mas se você deseja economizar algum dinheiro, aproveitar muitas opções de personalização ou tiver interesse em mexer, também pode obter o que é chamado de mini PC básico.

Esses dispositivos geralmente são fornecidos com o gabinete e a placa-mãe, mas você precisa adicionar a memória e o armazenamento. Você pode conseguir essas peças individualmente por menos dinheiro do que comprar um mini PC pré-construído. A grande vantagem aqui é que você pode comprar as peças que atendem às suas necessidades específicas, mas você terá que juntá-las (ou conseguir alguém para ajudá-lo).

Qual é a diferença entre um stick PC e um mini PC?

Ao pesquisar Mini PCs, você pode encontrar produtos chamados stick PCs. Eles geralmente são mais baratos, o que é ótimo, mas você deve estar ciente de que seu escopo será limitado devido ao seu tamanho. Por outro lado, eles podem ser ótimos para pessoas que viajam muito, já que são realmente de bolso e vêm com uma porta HDMI. Isso permite que os usuários simplesmente conectem seu mini PC a uma TV de hotel, conectem-se ao Wi-Fi e tenham sua escolha de entretenimento. Ou talvez adicionar os toques finais em uma apresentação. Você terá funcionalidades e opções adicionais do Windows para conectar seus teclados e mouses USB.

Os mini PCs usam chips móveis devido ao seu pequeno tamanho?

Alguns deles fazem. Esses tipos de mini PCs são ótimos para verificar e-mails casualmente à noite ou para transmitir entretenimento na TV. Mas isso geralmente não é devido a limitações de tamanho. Na verdade, alguns mini PCs rodam chips de desktop completos, então você não vai economizar na qualidade do processador ao adquirir tal dispositivo. Eles podem ser tão funcionais quanto qualquer PC, se tiverem o chip certo dentro.

Os mini PCs são ruins para jogos?

A menos que você procure especificamente um mini PC para jogos, provavelmente está lutando com os jogos de PC mais intensos. Eles simplesmente não têm os recursos integrados, como uma placa gráfica dedicada. No entanto, se você estiver realmente interessado em jogos, considere montar um mini PC básico ou obter um mini PC maior (mas ainda relativamente pequeno) construído para jogos.

Categorias:

Marcelo Augusto